Hangul

Imagem: http://mymarianamargareta.blogspot.com

O dia 9 de outubro na Coreia, reserva uma data muito importante: O 한글날 (Dia do Hangul), a única linguagem no mundo com origem plenamente conhecida.

BREVE HISTÓRIA
Esta data celebra o aniversário do Hangul, o alfabeto coreano, desenvolvido pelo Rei Sejong no Reinado de 1418-1450. Antes, o sistema alfabético usado era o 한자 “Hanja”, composto por caracteres chineses. Entretanto, ele apresentava determinada complexidade em sua leitura, pronúncia e escrita, onde apenas os nobres eram alfabetizados e por isso permaneceu até a era Joseon.
A ausência de uma linguagem popular e reconhecida, fez com que os plebeus tivessem um vago registro de seu cotidiano. E foi nesse contexto que o Rei Sejong percebeu a necessidade de desenvolver um sistema de alfabetização que fosse acessível a todos. Junto aos eruditos de Jiphyeonjeon, o trabalho que perdurou por 18 anos, resultou em um novo conjunto de letras.
No 28º ano do ano de 1446, foi declarado então, a conclusão do Hunminjeonggeum, que significa “sons para a instrução das pessoas”. Apesar das grandes dificuldades enfrentadas pela resistência da classe dominante, a nova língua, que veio acompanhada de um manual, um tratado sobre deveres do homem e ensinamentos sobre o Budismo, ganhou reconhecimento da classe popular e cada vez mais se difundia.

ENTENDA O HANGUL

Hangul

Imagem:
www.segemconsulting.com

Atualmente o Hangul possui 40 caracteres, onde 21 são vogais e 19, consoantes.

Cada vogal, é composta de uma ou mais linhas que representam o céu, a terra e as pessoas. Já as consoantes, remetem a forma da boca humana no ato da pronúncia.
A unidade escrita possui uma fórmula simples apesar da escrita ser científica.

ONDE APRENDER?
Com a expansão da cultura coreana e consequentemente, de sua literatura, da música, e porque não da linguística, tornou-se cada vez mais recorrente a busca por escolas, cursos e programas que ensinassem a língua.
Atualmente, diversas universidades em Seul e demais cidades que oferecem programas de língua, bem como projetos para estudantes estrangeiros. Além disso, aqui no Brasil, um número positivo de estados já oferece cursos, seja em escolas, universidades ou por meio de aulas particulares.

 

 

Fonte: Visit Korea e Kwave Brasil

avatar
About Barbara Brisa

Editora de conteúdo (Brasília) - Cientista Social pela Universidade de Brasília, Repórter Honorária pelo Centro Cultural Coreano do Brasil e Co-Fundadora do Maūm Ūmsik. Em constante estudo pela compreensão das coreanidades.

3 Responses to HANGUL DAY 한글날
  1. avatar

    […] possuir uma língua distinta, parte essencial da cultura local, os coreanos querem já em Pyeongchang 2018 quebrar as barreiras […]

  2. avatar

    […] 3 – O idioma oficial das duas Coreias é o mesmo: o Hangul. […]

  3. avatar

    […] Os caracteres chineses foram introduzidos na Coreia, por volta do segundo ou terceiro século depois de Cristo, provavelmente com a expansão do budismo. Os estudiosos utilizaram os caracteres chineses, conhecido como hanja, até 1945. Quando um sentimento nacionalista levou à popularização do alfabeto Hangul. […]


[top]

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: