dokdo_affix__ex_gold_italy

Um camarão com listras vermelhas e pontos brancos mostra-se na escuridão. Um grupo de peixes coloridos nadam pacificamente entre as rochas submersas.  Essas são algumas das fotos premiadas no Concurso Ulleungdo Dokdo Internacional de Fotografia Subaquática de 2016.

Fotos e vídeos do mundo subaquático em torno de Dokdo estão sob os holofotes da mídia assim como estão revelando vários novos ecossistemas subaquáticos e dados relacionados com a vida do mar ao redor da ilha.

Cerca de 60 fotógrafos de 12 países, incluindo 30 membros da Confederação Mundial de Atividades Subaquáticas (CMAS) participaram do concurso, organizado pela Ulleung-gun County do dia 13 a 15 de outubro.

Os fotógrafos capturaram a beleza do mundo subaquático que rodeia Dokdo e ilhas Ulleungdo, duas ilhas orientais da Coreia no Mar do Leste, tudo ao mesmo tempo exibindo suas habilidades de fotografias em quatro categorias: close up (ganho por Jeon Yongsu), wide angle (ganho por Kim ki Joon e Yi Gi-sang), wide angle com o mergulhador (ganho por Isley Jason Paul e Jeong Hye-sim), e peixe (ganho por Yang Chung-hong e Broere Jos) .

O Diretor de Política de Dokdo Lee Kang Chang colocou grande valor no concurso de fotografia, dizendo: “É muito significativo que fotógrafos subaquáticos de classe mundial possam capturar a beleza subaquática panorâmica em torno das ilhas Dokdo e Ulleungdo.”

“Nós vamos considerar a produção de um documentário e coleção de fotografia deste concurso, e promover exposições por todo o país para que possamos promover a ilha com este evento”, disse ele.

DokdoAlém do concurso de fotografia, o Instituto Nacional de Recursos Biológicos anunciou que descobriu a maior colônia de coral em extinção da Coreia. Foram publicadas fotos e um vídeo da colônia de coral Dendrophyllia cribrosa, uma espécie conhecida por habitar apenas águas particularmente limpas.

Esta última descoberta foi feita durante a investigação sobre a diversidade subaquática em torno Dokdo realizado pelo Instituto Nacional de Recursos Biológicos, de 21 a 24 de Junho deste ano.

Estes animais marinhos são de uma espécie de coral que tem tentáculos laranja e que cria uma colônia de cor laranja. Eles vivem em rochas entre 20 metros e 30 metros debaixo d’água, e pode ser parcialmente encontrado em algumas regiões do Mar do Leste e do Mar do Sul.

Esta colônia foi descoberta em rochas a 25 metros debaixo d’água a oeste de Seodo, a parte ocidental de Dokdo. Com cerca de 4 metros de largura e 3 metros de altura, essa é a maior colônia de coral dessa espécie já encontrada na Coreia.

De acordo com o instituto de pesquisa biológica, esta espécie habita uma área permanentemente e não migra ou se desloca, permitindo que seja usado como um importante indicador de mudanças ecológicas nas águas em torno de Dokdo.

O Presidente Baek Woonsuk do Instituto Nacional de Recursos Biológicos destacou esta última descoberta, dizendo: “Esta última descoberta prova mais uma vez que Dokdo é um habitat importante para uma ampla gama de formas de vida, incluindo espécies ameaçadas de extinção.”

Você pode ver algumas das imagens debaixo d’água aqui.

Fonte e imagens: korea.net

avatar
About Taisa Aguilar

Editora Colaboradora (Rio de Janeiro - RJ) Estudante de Ciências Contábeis. Apaixonada desde muito tempo pela cultura asiática (principalmente japonesa e coreana). Cosplayer nos tempos vagos, adora assistir animes, ler mangá e ouvir música. Sonha um dia visitar a Coreia e o Japão

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: