chás de flores

Imagem  chás de flores: https://handoltearoom.wordpress.com/

Os chás de flores representam uma das variedades de chás cultivados e consumidos na Coreia.  Conheça sua diversidade, as propriedades e benefícios de cada tipo.

  • 국화 차 Chá de Crisântemo – Entre os chás de flores, este é bastante popular e dispõe de uma variedade de subtipos. Colhido antes de seu completo desabrochar, o chá de crisântemo oferece benefícios para o fígado e imunidade. Oferece também propriedades de combate ao envelhecimento. Para consumi-lo, basta infusionar as  flores e então servir.
  • 도화 차 Chá de Flor de Pêssego – Feito a partir das flores secas do pêssego que são colhidas durante a primavera. Seus benefícios compreendem a melhor circulação do sangue e hidratação da pele. Para o povo coreano, a flor de pêssego é o símbolo da integridade e persistência. Enfrentando todo o inverno e florescendo ao final da estação.
  • 연꽃차 Chá de Flor de Lótus – Possui um modo de preparo tradicional na Coreia e carrega um importante simbolismo. Para este chá, é-se utilizado uma flor fresca inteira de lótus, que é então embebida em água quente e delicadamente aberto, pétala por pétala. Em seguida, uma porção de água quente deve ser jogada no miolo da flor de lótus. Após este procedimento, ele pode ser servido. Na culinária coreana cultivada nos templos budistas, o chá de flor de lótus simboliza o florescimento da iluminação budista. E por isso, é acompanhado de um ritual especial ao ser servido. Seus benefícios vão desde o controle do colesterol, redução dos níveis de açúcar; desintoxicação e tratamento para o refluxo.
  • 매화차 Chá de Flor de Ameixa – Outra infusão tradicional na Coreia, o chá é feito a partir de flores ainda no seu desabrochar. São então secas e preservadas com mel e para servi-lo deve passar por uma infusão de 2 a 3 minutos. Além de oferecer um excelente tratamento para ressaca, contribui para a digestão e alivia náuseas.

Fonte: Korea Magazine, Visit KoreaWikipedia

avatar
About Barbara Brisa

Editora de conteúdo (Brasília) - Socióloga e pesquisadora sobre cultura e tradição coreana.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: