Mungyeong Saejae

Imagem: usajutour.com

 Mungyeong Saejae (문경 새재) é uma trilha entre montanhas no centro de Coreia do Sul. Localiza-se entre a Montanha Joryeong que é o pico principal (com 1.017 metros) e o Pico Sinseon (com 967 metros). A trilha em si chega aos 642m de altura acima do nível do mar.

Mungyeong Saejae liga a cidade de Mungyeong, ao norte da província Gyeongsang com o município de Goesan, ao norte da província de Chungcheong. A água que flui montanha a baixo passando ao lado de Mungyeong deságua no Rio Nakdong e se encontra com o Mar do Japão (Mar do Leste) em Busan. E a que flui passando ao lado de Goesan deságua no rio Han, que passa por Seul e se encontra com o Mar Amarelo em Incheon.

A trilha também é conhecida pelo nome Joryeong (조령, 鳥 嶺). Ambos os nomes literalmente significa “passagem das aves”, e provavelmente pode também significar “Uma passagem tão alta que até mesmo para os pássaros a travessia torna-se difícil.”

A trilha é conhecida por ser o único lugar que ligava  Seul e Busan durante a Dinastia Joseon, e na época era chamada de ‘Avenida Yeongnam’. Em 04 junho de 1981, a área foi declarada como Parque Mungyeong Saejae, que é agora uma atração turística muito importante. Além da passagem e da paisagem do local, o parque possui um museu e hotel turístico, juntamente com uma pequena aldeia que abastece o comércio turístico.

Durante o período Joseon, Mungyeong Saejae desempenhou um papel importante como a porta para província de Gyeongsang. Estudantes, comerciantes e funcionários do governo de Gyeongsang usavam a trilha quando tinham de ir ou voltar de Seul. Três grandes portões que mantinham o controle sobre os passes durante esse tempo ainda estão de pé, embora atualmente as únicas pessoas que passam por eles são turistas.

Mungyeong Saejae é o tema de pelo menos uma canção folclórica coreana tradicional do estilo ‘Arirang’.

Informações úteis:

  • Aldeias tradicionais coreanas – as aldeias ao sul tem telhados de grama, as do norte é onde viviam os Yangbans (pessoas da classe nobre durante a Dinastia Joseon, normalmente funcionários públicos e oficiais militares)
  • Um museu perto da entrada do parque.
  • Os três portões de pedra que eram a entrada para a província de Gyeongsan.
  • Caminhe ao longo da antiga rota entre Kyeongsangdo e Seul. Suba as montanhas de ambos os lados. *Visite o templo e um set de filmagens.
  • As aldeias turísticas estão na entrada sul do parque, lá se pode encontrar restaurantes e lojas de souvenirs.
  • Encontram-se tambem alguns estabelecimentos ao longo da trilha. Identificáveis pela música alta que tocam.
  • Há uma fonte de água mineral Jagok Yaksu, durante a trilha.
  • Entrada: Adultos: 2,100 won (Groupos: 1,700 won)
    Estudantes: 1,100 won (Groupos: 900 won)
    Crianças: 750 won (Groupos: 600 won)
  • Estacionamento no local.

Como chegar:  De Seul,  desça na estação Gangbyeon (linha verde – saída 4). Caminhe até Terminal Dong Seoul (동서울종합터미널) e pegue o ônibus Intermunicipal Mungyeong. Desça no terminal Mungyeong (문경) e pegue o ônibus 200(점촌-포암). Diga ao motorista para deixa-lo em 문경새재 (Mungyeong Saejae) *anote em um papel e o entregue, pois muitos não podem não compreender, ou pegue um taxi até Mungyeong Saejae Resort, pois do terminal até o parque não leva mais que 30 minutos. *O resort se localiza na entrada da montanha.

Site do parque: Saejae (coreano)

Fonte: Wikipédia

avatar
About Miller

Editor de Conteúdo Junior (São Paulo) – estudante, estuda alemão, apaixonado pela Coréia (comida, cultura, música, entretenimento, turismo, infraestrutura), acompanha sempre notícias coreanas sobre economia, projetos, eventos, música e política.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: