10974457_884768108254266_7099242171428781971_o

Imagem: Fotografia.Constante – www.brazilkorea.com.br

Em passagem pelo Brasil, o grupo Topp Dogg realizou um showcase no Via Marques no ultimo dia 14, e no dia 15 no MuBE (Museu brasileiro de escultura) o grupo fez um handprint além de uma coletiva de imprensa, e o BrazilKorea estava lá!

O encontro com a imprensa começou pontualmente, as 11 horas, e o evento iniciou com o handprint seguido da coletiva. No handprint os meninos se mostraram muito animados. Em um pequeno discurso o diretor do Centro Cultural Coreano, lugar onde ficarão expostas as placas de gesso com as impressões das mão dos membros do grupo, disse esperar que a visita do Topp Dogg  ao Brasil fique na lembrança deles. O grupo também comentou sobre o momento,  disseram que estão felizes pelo show ter sido um sucesso e que esta foi a primeira vez que realizaram um handprint.

10974471_884767121587698_2402908842495950796_o

Imagem: Fotografia.Constante – www.brazilkorea.com.br

Ao início da coletiva quando os membros assumiram os seus lugares a mesa, Jenissi brincou com a falta de cadeira para ele. Posicionou-se em frente a mesa junto a imprensa e “dando início a coletiva ” perguntou ao grupo entre as coisas que o Topp Dogg vivenciou no Brasil qual foi a mais marcante. “Ah, venha aqui e sente-se logo, hyung” foi a resposta dos outros membros do grupo.

Após a coletiva ser iniciada,  a ordem das perguntas foi:

1 – Por terem um número grande de membros, quais seriam as vantagens e desvantagens?
R: O ponto positivo é que temos muito o que aprender com os outros membros,  nunca ficam entediados e estamos sempre animados. E o ponto negativo é que o grupo demora muito para terminar de comer e quando queremos ficar sozinhos, não podenos.

2 – Vocês estão sempre treinando, e a vida é sempre ocupada. Tem algo “incomum” que algum dos membros faça quando acorda ou antes de treinar?
R: Nós sempre fazemos um “fighting” antes de subir ao palco. Mas o maknae sempre tem algumas palavras que nos dão mais força

3 – Vocês esperavam que tivessem tantos fãs em vários países?
R : Nos assustamos muito porque vieram mais fãs do que estavamos imaginando e gostaríamos de conhecer outros países

4 – Há algum cantor ou cantora que vocês gostariam de subir ao palco junto?
R : (SangDo) Eu particularmente gosto muito de Eric Benet e gostaria de cantar junto com ele no palco

5 – Vocês experimentaram alguma coisa brasileira? Gostaram de algo?
R: (ATom)Sim, eu gostei muito de um prato brasileiro que é servido sempre no almoço, feijão. Gostei tanto que repeti duas vezes

6 – Recentemente houve muitos grupos que apresentaram o estilo hip hop. O que vocês acham que o Topp Dogg tem de diferente desses grupos?
R: Nós apresentamos o hip hop mas não apresentamos só o hip hop. Podemos apresentar outro gênero assim como trabalhar com performances de vários estilos

7 – Quais são as influências do estilo musical do Topp Dogg?
R: Por nós termos muitos membros,  cada um pode ter influências diversificadas. Mas geralmente vem do R&B e hip hop

8 – Vários artistas de outros países gravam seus MVs aqui no Brasil. O Topp Dogg tem interesse em algum dia também aqui no Brasil?
R: Queremos gravar no Cristo Redentor, mas depende da nossa empresa. Se tivermos oportunidade, estamos dispostos

9 – Vocês tem alguma coisa preparada para o próximo comeback? Se tiverem, poderiam nos mostrar um pouco?
R: Não temos nenhum plano, mas todo os membros estão se preparando

10 – Teria algum filme que pode representar a vida do Topp Dogg?
R: (após discutirem e darem idéias como Brotherhood of war e Deby&Loide) Jackass, mas não proibido para menores de idade. Seria um Jackass livre para todos os públicos

11 -Há alguma música que vocês acham que combina mais com o Topp Dogg?
R : Follow me, que é a nossa música de debut, acho que combina mais com o nosso estilo. Não sabemos quais música serão lançadas futuramente, vamos nos esforçar bastante para poder combinar mais com a gente

Após a coletiva os meninos posaram para fotos e em seguida foram juntamente a imprensa e a equipe do Centro Cultural Coreano conferir a exposição Plenitude Vazia.

Você poderá ver os hand prints e as camisetas autografadas do Topp Dogg, assim como do NU’EST e do grupo Mr.Mr, no Centro Cultural Coreano (Rua Alameda Barros, 192 – Santa Cecília – São Paulo).

E fiquem ligados no BrazilKorea, pois logo contaremos tudo o que aconteceu no showcase do grupo, além de liberarmos as fotos dos eventos. 

avatar
About Carolina

Editora de Conteúdo (Curitiba-PR) - estudante, futura designer e fotografa, desde criança apaixonada pela cultura oriental em geral, mas principalmente japonesa e coreana, disposta a aprender e divulgar as culturas que tanto gosta.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *