pedido em coreano

Imagem: Alexandre Disaro

Gosta de mergulhar de cabeça em novas experiências gastronômicas? Caso positivo, você terá uma ótima estadia na Coréia do Sul. Já escrevi sobre as comidas de rua de Seul, levei você ao colorido Mercado de Gwangjang e para hanok-village. Agora, lhe convido para jantar num restaurante com amigos coreanos. Imagine que legal ter ideia do que se irá comer ou até mesmo surpreender seu amigo ao fazer o pedido em coreano?

Quer aprender a pedir a bebida e a comida? Quer pedir sugestões do que comer? Como pedir a conta? Antes, sugiro que aprenda o alfabeto coreano para facilitar as coisas quando estiver por lá – é simples e rápido de se aprender. Parece mais complicado do que realmente é.

Estou faminto! Bae gopayo!! Vamos ao que interessa.

Primeiramente, como ser atendido? Na maioria dos restaurantes há uma campainha em cima da mesa. Aperte-a; ou olhe para o/a atendente e diga jeogiyo (저기요). Peça para ver o menu: Menyupan chuseyo (메뉴판 주세요) ou até mesmo por uma sugestão: o que há de mais gostoso? Mweoga jeil mashisseoyo? (뭐가 제일 맛있어요?). Grave esta expressão: chuseyo (주세요). Ela quer dizer “dê/traga-me por favor”. Aponte para a comida e peça usando chuseyo. Quando acabar, pegue a conta que estará em cima da mesa e pague-a. Caso não esteja, peça ao/à atendente: Kyesanseo chom chuseyo (계산서 좀 주세요).

Na dúvida do que pedir? No post completo ensino a reconhecer alguns sufixos para se ter ao menos uma pista de que consistem os pratos. Além disso, sugiro alguns bem conhecidos para aguçar seus sentidos.

Desfrute da rica culinária coreana indo a quantos lugares conseguir. Aventure-se. Faça o seu pedido! Peça pratos que você nem imagina o que sejam. Não deixe a língua ser uma barreira na hora de viver novas experiências.

Acesse o post completo no Viver a Viagem, veja outras fotos e aprenda outras frases estratégicas.
Siga minha página no Facebook e Instagram
Até mais!

avatar
About Alexandre Disaro

Editor associado (São Paulo) - Internacionalista de formação e fotógrafo por opção. Gosta de viajar e conversar sobre; cozinhar para amigos; passar horas praticando caligrafia; aprender idiomas; escrever; estudar bandeiras e tomar chá. www.alexandredisaro.com (site como fotógrafo) www.disaro.co (site do blog de viagem)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: