Montanha Hwangnyeongsan

imagem: visitkorea.or.kr

 A Montanha Hwangnyeong (황령산 Hwangnyeongsan) está localizada no coração de Busan e se estende por toda Busanjin-gu, Nam-gu, e os distritos de Suyeong-gu. Com uma altitude de 427 metros acima do nível do mar, a montanha é a segunda mais alta na Cordilheira Geumnyeonsan. Algumas partes da montanha também são caracterizadas por paredes de pedras.

A parte ao nordeste de Hwangnyeongsan, está conectada a Geumnyeonsan. Por conta de sua idade geológica, o terreno foi criando vales de rios, resultando em superfícies menos ‘pontiagudas’. Muitas colinas e cordilheiras também podem ser encontradas espalhadas pela montanha. Hwangnyeongsan não é muito alta, por conta disso a trilha leva cerca de duas a três horas para se chegar ao topo.

Na base da montanha, encontram-se uma área de lazer e um centro de formação de jovens. A escolha de qual trilha da montanha depende das opções de transporte disponíveis.

Uma das atrações é o Bongsudae (leia AQUI sobre o que existe em Seul), que localiza-se  no topo da montanha e era um importante meio de comunicação militar da época Joseon. Este Bongsudae foi usado para se comunicar com o Bongsudae em Haeundae Ganbian (leste), Bongsudae Gubongsan (oeste), o Bongsudae do Templo Beomeosa e o da Montanha Gyeryong (norte). Anualmente acontecem eventos como o Sansinje (ritual para o deuses da montanha) e a cerimônia de acendimento do Bongsudae que são realizados em Hwangnyeongsan.

* O sistema Bongsudae, no seu auge, tinha 673 torres que se estendiam de Busan até Seul. Normalmente, o Bongsudae consistiu-se de 5  torres de fumaça, cada uma com cerca de 3 metros de altura, feitas de pedra ou tijolo. A prática usual era ser utilizada como um farol de comunicação. Se tudo estivesse normal era acessa uma torre, duas torres acessas significavam que um inimigo foi avistado. Três significavam que o inimigo estava próximo da fronteira. Quatro, que a fronteira tinha sido violada, e cinco que uma batalha estava em andamento. Os sinais das torres de Busan levavam cerca de 12 horas para chegar ao palácio do rei em Seul (quase 500 km de distância). As réplicas foram re-construídas na década de 1970

Informações úteis:

  • Entrada livre para todos os públicos.
  • Aberto durante todo o ano.
  • Conta com centros pontos de alimentação, banheiros e centro de informações.

Como chegar:

  • Desça na Estação Yangjeong (Busan Metro Linha 1), Saída 2.
    O modo mais fácil é pegar um taxi da estação até a montanha.
    (cerca de 2 km de distância / 9 min de taxi).

Fonte: Visit Korea e Sweetpickles and corn

avatar
About Miller

Editor de Conteúdo Junior (São Paulo) – estudante, estuda alemão, apaixonado pela Coréia (comida, cultura, música, entretenimento, turismo, infraestrutura), acompanha sempre notícias coreanas sobre economia, projetos, eventos, música e política.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: