Mercado Gwangjang

Imagem: Alexandre Disaro

Ir a um mercado tradicional para mim é sempre um ponto alto de qualquer viagem. Ver como as pessoas se vestem, se portam, o que compram e o que comem é entender parte da cultura a qual se está inserido. Na minha estadia em Seul conheci o incrível mercado Gwangjang; o mais antigo e ainda em atividade da capital.

O mercado Gwangjang foi inaugurado em 1905 e segue aberto diariamente desde então. Tradicional por suas sedas, cetins, tecidos para hanbok (roupa tradicional coreana), lacas com madrepérola e artesanato, é também conhecido por sua ala de restaurantes. Duas ruas cobertas se cruzam criando um oásis gastronômico para turistas e locais. Seus corredores são tomados por vendedores com carrinhos, barraquinhas e frentes de loja. Todos vendendo comidas típicas.

Alguns dias haviam corrido desde que chegara a Seul e ainda não visitara o lugar. Uma noite, cansado e faminto, a já bússola norteava para o apartamento quando me dei conta que estava na região do mercado. Decidi mudar o curso e visitá-lo. Ao entrar fiquei encantado com o que vi. Duas ruas cobertas lotadas de barraquinhas de comida e pessoas. Sentei-me em várias delas para comer pratos de todos os tipos, muitos deles também disponíveis nas ruas de Seul – confira alguns no post sobre as comidas de rua. Coreanos e turistas aproveitando a fartura, o bom preço e o ótimo clima do mercado. Voltei para casa feliz e satisfeito, caminhando tranquilamente às margens do Cheonggyecheon.
Ficou curioso? Saiba que os arredores do mercado Gwangjang também se beneficiam com a atmosfera criada e é igualmente interessante de se explorar. Há diversas lojas de tecidos, produtos relacionados e restaurantes familiares. De quebra, o Cheonggyecheon e o tradicional bairro Insadong.

Confira o post completo no Viver a Viagem, veja as fotos do Mercado Gwangjang e saiba como chegar.

Siga minha página no Facebook e Instagram.

Semana que vem tem mais.

avatar
About Alexandre Disaro

Editor associado (São Paulo) - Internacionalista de formação e fotógrafo por opção. Gosta de viajar e conversar sobre; cozinhar para amigos; passar horas praticando caligrafia; aprender idiomas; escrever; estudar bandeiras e tomar chá. www.alexandredisaro.com (site como fotógrafo) www.disaro.co (site do blog de viagem)

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

%d blogueiros gostam disto: